domingo, 27 de outubro de 2013




Esta Noite


Arte by Andy Short


Os teus beijos ardentes,
Teus afagos mais veementes,
Guarda, guarda-os, anjo meu;
Esta noite entre mil flores,
Um sonho todo de amores
Nos dará de amor um céu!


Machado de Assis




Todos os dias, no mesmo horário, ela espera por ele! Ele desce do telhado, se cumprimentam e vão para uma caminhada. Fazem isso há 5 anos e não pertencem ao mesmo proprietário. Como começou ninguém sabe!




"Domingo é sempre assim: Janelas abertas, coração leve, casa ensolarada, dia para me encontrar comigo mesmo, de transformar sentimentos, fortalecer minha morada para olhar para semana que nasce e agradecer pela dádiva da vida, essa jornada tão única e mágica da qual todos fomos presenteados.
Aproveite o dia!"

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Cecília Meireles


AFASTE-SE DE PESSOAS QUE LHE FAZEM SENTIR-SE MAL


De fato estamos cercados de pessoas tóxicas. 
Pessoas que são egocêntricas, manipuladoras, interesseiras, arrogantes, rancorosas, amarguradas, mal amadas, invejosas ou fracassadas, que não conseguem ver o sucesso ou a felicidade alheia. Enfim, pessoas sombrias que minam os relacionamentos e amizades com intrigas, críticas excessivas, falta de consideração e respeito pelo outro e abusos verbais ou físicos. Pessoas muito perigosas de se conviver.

Essas pessoas tóxicas acabam, de alguma forma, nos envenenando. Direta ou indiretamente, acabamos agindo por influência delas, seja com atitudes ou omissões. Muitas vezes acabamos agindo por impulso para evitar essas pessoas, ou, na pior das hipóteses, acabamos agindo da mesma forma. São pessoas nocivas, intoxicando nosso comportamento e nos levando a agir e a tomar decisões que, em outras circunstâncias poderiam ser completamente diferentes.

São "tóxicas", porque conseguem despertar o que há de pior dentro de nós, não apenas no sentido de maldade ou crueldade, mas no sentido de perdermos a identidade, a autonomia, a energia, a iniciativa e o poder de decisão. Ficamos estagnados, hipnotizados, paralizados. São verdadeiros vampiros, sem Luz própria, que consomem nossa energia vital, que exploram e manipulam pessoas de acordo com os seus interesses e vivem às custas da energia dos outros para se sustentarem.

Tóxicas são aquelas pessoas que sabem tudo a respeito da vida das outras pessoas, mas não conseguem administrar a própria vida. Sabem dar conselhos como ninguém (há até terapeutas nessa categoria!) tem um discurso lindíssimo para o mundo lá fora, mas que, na vida pessoal, nos bastidores, na vida íntima, são pessoas frustradas, isoladas, verdadeiras ilhas no meio da sociedade, que não tomam para si os próprios conselhos.

Sabem olhar de fora, apontar defeitos, problemas, erros. Mas não sabem participar, não conseguem enxergar os próprios problemas ou defeitos. Apontam os erros alheios para, de certa forma, esconder os seus próprios. São os "sabe-tudo" e só a sua forma de pensar é que está certa. Não suportam ser contrariados e confrontados. Quando o são, perseguem a pessoa até "livrarem-se" dela ou então se vingam. Seu Ego é Superlativo para compensar a sua extrema falta de Amor-Próprio. Usam as pessoas conforme seus interesses e, quando estas discordam de suas idéias, são descartadas e eliminadas, sem a menor consideração.

A "toxicidade" reside exatamente no fato de não nos darmos conta de que estamos sendo manipulados ou influenciados. Ficamos hipnotizados, fascinados, imersos numa imensa ilusão, até o dia em que despertamos e tomamos consciência de que estamos muito mal, morrendo por dentro, e que algo urgente necessita ser feito. Um corte para a nossa libertação, para resgatar a nossa sanidade, saúde, alegria de viver.

Em nossa busca pela felicidade, por tudo aquilo que nos traz bem-estar e alegria, o grande segredo é não se deixar influenciar, se afastar e evitar a convivência com esses tipos. Isso não significa alimentar sentimentos negativos dentro de si com relação a eles, mas de preferência visualizá-los felizes e agradecidos em sua vida, emanando energias e vibrações positivas.

Reflita, você convive intimamente com alguma pessoa tóxica, seja na família, no trabalho, ou nas "amizades"?

Tenha cuidado, afaste-se, fique longe o quanto antes dessas pessoas...

Cuide-se, preserve-se, seja você mesmo, seja pleno e feliz..
E acima de tudo SEMPRE perdoe essas pessoas,
muitas vezes, elas não tem consciência de seus proprios malefícios.


Namastê!

Descubra qual é o seu Anjo!



Meu anjo é o Anjo Veuliah 

O Anjo: É o anjo da paz alcançada através da guerra. Ele promove o crescimento pessoal através do auto conhecimento. Em troca ele dá alegria e riqueza abundantes.

Influência: Quem é influenciado por esse anjo é nobre em seus sentimentos. A sua astúcia estrategista o fará capaz de superar os inimigos internos e externos. Ajuda os outros e com isso torna tudo frutífero. Alcança sua autoridade naturalmente pois inspira confiança nas pessoas. Traz a paz e completude para as pessoas. Prepara futuros empregados.

Profissionalmente: Poderá fazer sucesso como administrador de empresas, nas áreas políticas, científica e relacionadas a medicina fazendo grandes descobertas.

Anjo Contrário: Domina a o desperdício, discórdia, pobreza e a profunda insegurança. Provocará guerras, revoluções e destruição. Será superficial e materialista.
.

.


segunda-feira, 21 de outubro de 2013


CFA


Arte by Valentin Rekunenko


"Cidade notável,
Inimitável,
Maior e mais bela que outra qualquer.
Cidade sensível,
Irresistível,
Cidade do amor, cidade mulher..."

Noel Rosa

sábado, 19 de outubro de 2013



Para que vieste
Na minha janela 
Meter o nariz?

Se foi por um verso
Não sou mais poeta
Ando tão feliz!

Vinícius de Moraes

Freud explica! rsrs


Arte by Nanda Correa


“E se tiver vontade de escrever alguma coisa sobre mim, diga apenas uma frase: 'Foi meu amigo, acreditou em mim e me quis mais perto de Deus!' Aí, então derrame uma lágrima.” 


Vinícius de Moraes

Centenário de Vinícius de Moares

Vinicius de Moraes (1913-1980) foi um poeta e compositor brasileiro. "Garota de Ipanema", feita em parceria com Antonio Carlos Jobim, é um hino da música popular brasileira. Foi também diplomata e dramaturgo.
Vinicius de Morais (1913-1980) nasceu no Rio de Janeiro, no dia 19 de outubro de 1913. Filho de funcionário público e poeta Clodoaldo Pereira da Silva e da pianista Lídia Cruz. Desde cedo, já mostrava interesse por poesia. Ingressou no colégio jesuíta, Santo Inácio, onde fez os estudos secundários. Entrou para o coral da igreja, onde desenvolveu suas habilidades musicais. Em 1929, iniciou o curso de Direito da Faculdade Nacional do Rio de Janeiro.
Em 1933, ano de sua formatura, publica "O Caminho Para a Distância".Não exerceu a advocacia. Trabalhou como censor cinematográfico, até 1938, quando recebeu uma bolsa de estudos e foi para Londres. Estudou inglês e literatura na Universidade de Oxford. Trabalhou na BBC londrina até 1939.
Várias experiência conjugais marcaram a vida de Vinicius. Casou-se nove vezes e teve cinco filhos. Suas esposas foram, Beatriz Azevedo, Regina Pederneira, Lila Bôscoli, Maria Lúcia Proença, Nellita de Abreu, Cristina Gurjão, Gesse Gessy, Marta Rodrigues e a última Gilda Matoso.
Em 1943 é aprovado no concurso para Diplomata. Vai para os Estados Unidos, onde assume o posto de vice-cônsul em Los Angeles. Escreve o livro "Cinco Elegias". Serviu sucessivamente em Paris, em 1953, em Montevidéu, e novamente em Paris, em 1963. Volta para o Brasil em 1964. É aposentado compulsoriamente em 1968, pelo Ato Institucional Número Cinco.
De volta ao Brasil, dedica-se à poesia e à música popular brasileira. Fez parcerias musicais com Toquinho, Tom Jobim, Baden Powell, João Gilberto, Francis Hime, Carlos Lyra e Chico Buarque. Entre suas músicas destacam-se: "Garota de Ipanema", "Gente Humilde", "Aquarela", "A Casa", "Arrastão", "A Rosa de Hiroshima", "Berimbau", "A Tonga da Mironga do Kaburetê", "Canto de Ossanha", "Insensatez", "Eu Sei Que Vou Te Amar" e "Chega de Saudade".
Compôs a trilha sonora do filme Orfeu Negro, que foi premiado com a Palma de Ouro no Festival de Cinema de Cannes e o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. Em 1961, compõe Rancho das Flores, baseado no tema Jesus, Alegria dos Homens, de Johann Sebastian Bach. Com Edu Lobo, ganha o Primeiro Festival Nacional de Música Popular Brasileira, com a música "Arrastão".
A parceria com o músico Toquinho foi considerada a mais produtiva. Rendeu músicas importantes como "Aquarela", "A Casa", "As Cores de Abril", "Testamento", "Maria Vai com as Outras", "Morena Flor", "A Rosa Desfolhada", "Para Viver Um Grande Amor" e "Regra Três".
É preciso destacar também sua participação em shows e gravações com cantores e compositores importantes como Chico Buarque de Holanda, Elis Regina, Dorival Caymmi, Maria Creuza, Miúcha e Maria Bethânia. O Álbum Arca de Noé foi lançado em 1980 e teve vários intérpretes, cantando músicas de cunho infantil. Esse Álbum originou um especial para a televisão.
A produção poética de Vinícius passou por duas fases. A primeira é carregada de misticismo e profundamente cristã, como expressa em "O Caminho para a Distância" e em "Forma e Exegese". A segunda fase, vai ao encontro do cotidiano, e nela se ressalta a figura feminina e o amor, como em "Ariana, A Mulher".
Vinícius também se inclina para os grandes temas sociais do seu tempo. O carro chefe é "A Rosa de Hiroshima". A parábola "O Operário em Construção" alinha-se entre os maiores poemas de denúncia da literatura nacional: Pensem na crianças/Mudas telepáticas/Pensem nas mulheres/Rotas alteradas/Pensem nas feridas /Como rosas cálidas.
Marcus Vinícius de Mello Moraes morreu no Rio de Janeiro, no dia 09 de julho de 1980, devido a problemas decorrentes de isquemia cerebral.

Obra de Vinícius de Moraes

O Caminho Para a Distância, poesia, 1933
Forma e Exegese poesia, 1936
Novos Poemas, poesia, 1938
Cinco Elegias, poesia, 1943
Poemas, Sonetos e Baladas, poesia, 1946
Pátria Minha, poesia, 1949
Orfeu da Conceição, teatro, em versos, 1954
Livro de Sonetos, poesia, 1956
Pobre Menina Rica, teatro, comédia musicada, 1962
O Mergulhador, poesia, 1965
Cordélia e O Peregrino, tearo, em versos, 1965
A Arca de Noé, poesia, 1970
Chacina de Barros Filho, teatro, drama
O Dever e o Haver
Para Uma Menina com uma Flor, poesia
Para Viver um Grande Amor, poesia
Ariana, a Mulher, poesia

Antologia Poética

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Os Ombros Suportam o Mundo



Arte by Tran Nguyen

Chega um tempo em que não se diz mais: meu Deus.
Tempo de absoluta depuração.
Tempo em que não se diz mais: meu amor.
Porque o amor resultou inútil.
E os olhos não choram. 
E as mãos tecem apenas o rude trabalho.
E o coração está seco.


Em vão mulheres batem à porta, não abrirás.
Ficaste sozinho, a luz apagou-se,
mas na sombra teus olhos resplandecem enormes.
És todo certeza, já não sabes sofrer.
E nada esperas de teus amigos.


Pouco importa venha a velhice, que é a velhice?
Teu ombros suportam o mundo
e ele não pesa mais que a mão de uma criança. 
As guerras, as fomes, as discussões dentro dos edifícios
provam apenas que a vida prossegue
e nem todos se libertaram ainda.
Alguns, achando bárbaro o espetáculo,
prefeririam (os delicados) morrer.
Chegou um tempo em que não adianta morrer.
Chegou um tempo em que a vida é uma ordem.
A vida apenas, sem mistificação.


Carlos Drummond de Andrade

terça-feira, 15 de outubro de 2013


Definição de Filho por José Saramago


Filho é um ser que nos emprestaram para um curso intensivo de como amar alguém além de nós mesmos, de como mudar nossos piores defeitos para darmos os melhores exemplos e de aprendermos a ter coragem.

Parabéns pelo nosso dia!!


segunda-feira, 14 de outubro de 2013

12 PRÁTICAS PARA CONTRIBUIR COM A SUA HARMONIA E EQUILÍBRIO INTERIOR


"Eis como podemos contribuir para a harmonia. E, se assumimos essa tarefa, notaremos transformações imediatas em nossa vida, com benéficas repercussões planetárias.

1. À medida que desenvolver a atenção sobre as próprias ações e aprender a controlá-las, observará mais defeitos e falhas em sua pessoa. Se cometer algum deslize, prontifique-se a não repeti-lo e aprender logo o correto. Depois, siga adiante com decisão.

2. Não alimente culpa e ressentimento em si mesmo nem pelos demais. Não há culpados, mas aprendizes. Dispomo-nos a aprender quando nos abrimos à transformação.

3. Não tente justificar-se, nem perante a si mesmo nem perante aos demais. Aprenda com o erro e com o acerto e dê o passo seguinte.

4. Coligue-se com os níveis mais internos da sua consciência. Abra-se para a espiritualidade. Descubra como fazê-lo. Todos sabem, pois é um conhecimento inerente ao ser. Lembre-se de algum momento de muita dificuldade, em que, voltado para Deus, ou para um poder superior, você tenha com sinceridade suplicado ajuda. O 'lugar' em seu interior ao qual se dirigiu é para onde você deve volver a todo instante em busca de união com a divindade. Essa ação silenciosa é profundamente eficaz e transformadora.

5. Permita que a compaixão aflore em seu ser. Isso nada tem a ver com envolvimentos ou demonstrações emocionais. A compaixão é a compreensão da real necessidade de outrem, a união com a essência dos seres.

6. Faça de sua vida externa um reflexo, o mais fiel possível, das suas mais altas aspirações. Ações abnegadas repercutem de maneira benéfica e indescritível em toda a aura do planeta e evocam os elementos positivos, latentes e manifestos, dos reinos da natureza. Pratique-as, e pouco a pouco você conhecerá uma alegria transcendente.

7. Nada tema, não vacile. Conte com a inspiração do seu Eu superior e interno.

8. Eleve ao Eu superior por inteiro o amor e o afeto de que você é capaz de sentir. Invoque a graça, que lhe vem por intermédio do espírito imortal.

9. Repudie com firmeza todo e qualquer pensamento ou imaginação que o desvie da meta eleita.

10. Não alimente o que deve morrer. Não semeie o que não deve nascer. Sua fortaleza será tanto maior quanto mais você se pautar por essa lei.

11. Tenha presente que outros seres o esperam avançar para poderem avançar também.

12. Lembre-se de que o mais importante é sua inteira e cristalina adesão à verdade."


Trigueirinho

domingo, 13 de outubro de 2013

Outubro Rosa!!!


      O artista plástico Neno Ramos deu sua contribuição para chamar atenção para a causa: pintou a Mona Lisa, obra clássica de Leonardo da Vinci, fazendo o autoexame de mamas. A pintura estampa camisetas utilizadas para divulgação do projeto Mulheres de Peito, realizado em São Paulo. O projeto conta com uma série de ações que visam alcançar o maior número de mulheres, oferecendo a elas informação sobre a doença.



Você tem que dançar como se não houvesse ninguém assistindo, ame como se você nunca fosse se machucar, cante como se ninguém estivesse ouvindo e viva como se fosse o céu na terra.

William W. Purkey

Para ser grande, sê inteiro: nada teu exagera ou exclui. Sê todo em cada coisa. Põe quanto és no mínimo que fazes. Assim em cada lago a lua toda brilha, porque alta vive."

Fernando Pessoa

Oração


Pai Nosso, que estás nos Céus Na luz dos sóis infinitos, Pai de todos os aflitos Neste mundo de escarcéus. 

Santificado, Senhor Seja o Teu nome sublime, Que em todo Universo exprime, Concórdia, ternura e amor. 

Venha ao nosso coração, O teu reino de bondade, De paz e de claridade Na estrada da redenção.

Cumpra-se o teu mandamento Que não vacila e nem erra, No Céu, como em toda a Terra De luta e de sofrimento.

Evita-nos todo o mal, Dá-nos o pão no caminho, Feito de luz, no carinho Do pão espiritual.

Perdoa-nos, meu Senhor, Os débitos tenebrosos, De passados escabrosos, De iniqüidade e de dor.

Auxilia-nos também, Nos sentimentos cristãos, A amar nossos irmãos Que vivem longe do bem.

Com a proteção de Jesus Livra a nossa alma do erro, Neste mundo de desterro, Distante da vossa luz.

Que a nossa ideal igreja, Seja o altar da Caridade, Onde se faça a vontade Do vosso amor...

Assim seja!



Emmanuel

Orar e Vigiar


Um Guerreiro da Luz está sempre vigilante.

Não pede permissão aos outros para segurar sua espada; simplesmente a toma nas mãos. Tampouco perde tempo explicando seus gestos; fiel às determinações de Deus, ele responde pelo que faz.

Olha para os lados, e identifica seus amigos. Olha para trás, e identifica seus adversários.

É implacável com a traição, mas não se vinga; apenas afasta os inimigos de sua vida, sem lutar com eles além do tempo necessário.

Um Guerreiro não tenta parecer ele é.

Paulo Coelho

Saiba o que você deseja atingir !


O yogue Raman era um verdadeiro mestre na arte do arco e flecha. Certa manhã, ele convidou seu discípulo mais querido para assistir uma demonstração do seu talento. O discípulo já vira aquilo mais de cem vezes, mas – mesmo assim – resolveu obedecer ao mestre.

Foram para o bosque ao lado do mosteiro: ao chegarem diante de um belo carvalho, Raman pegou uma das flores que trazia em seu colar, e a colocou um dos ramos da árvore.
Em seguida, abriu seu alforje, e retirou três objetos: seu magnífico arco de madeira preciosa, uma flecha, e um lenço branco, bordado com desenhos em lilás.

O yogue então posicionou-se a uma distância de cem passos do local onde havia colocado a flor. De frente para o seu alvo, pediu que seu discípulo o vendasse com o lenço bordado.
O discípulo fez o que o mestre ordenara.

“Quantas vezes você já me viu praticar o nobre e antigo esporte do arco e flecha?” – perguntou.

“Todos os dias”, respondeu o discípulo. “E sempre o vi acertar na rosa, a uma distância de trezentos passos”.

Doçura!





Que Cântico é este, que nos inspira milênios afora, desertos adentro? Que Cântico é este, que faz transbordar corações abertos e mentes altaneiras? Que Cântico é este, de magia pura, que jamais se esgota, que jamais se cansa? Que Cântico é este, de mistérios tantos, que é sempre o mesmo, que é sempre outro? Que Cântico é este, fatal e terno, tão distante e próximo? Que Cântico é este, trovejante e doce, que nos condena a nos tornar plenamente humanos?… Por certo, é o Cântico do Amor.

Cântico dos Cânticos

sábado, 12 de outubro de 2013

afff




Por mais que se descreva ou se explique o amor, Quando nos apaixonamos envergonhamo-nos de nossas palavras. A explicação pela língua esclarece a maioria das coisas, Mas o amor não explicado é mais claro. Quando a pena se apressou em escrever, Ao chegar no tema do amor, partiu-se em duas. Quando o discurso tocou na questão do amor, A pena partiu-se e o papel rasgou-se. Ao explica-lo, a razão logo empanca, como um asno no atoleiro; Nada senão o próprio Amor pode explicar o amor e os amantes !

Rumi



Desperta a si mesmo, observa a si mesmo e viva com alegria. 

Buddha



O segredo da genialidade é carregar o espírito da infância na maturidade.

Thomas Huxley

Que todos sejam abençoados por ela... Feliz dia para todos nós!




Nesta vida, pode-se aprender três coisas de uma criança:
estar sempre alegre, nunca ficar inativo
e chorar com força por tudo o que se quer.

Leminski